Buscar

Emídio Rangel

Atualizado: 19 de Fev de 2019

Emídio Rangel (1947-2014) começou a sua atividade em Rádio Clube da Huíla (Sá da Bandeira, atual Lobango) como operador de som e locutor de programa juvenil (1965). Lançou-se no mundo empresarial como coproprietário e gerente de uma discoteca em Sá da Bandeira (O Cérebro). Ele e a mulher, Luísa Rangel, trabalhariam com uma equipa específica no programa Noturno, de Rádio Comercial de Angola (1967), para o qual criou a empresa Estúdio A. Após a independência de Angola, ingressou em 1976 na Radiodifusão Portuguesa (RDP, onde se manteve até 1988. Chegou a subchefe de redação (1985-1988). Em 1988, sob a sua direção, avançou com o projeto TSF – Rádio Jornal.

#Emídiorangel #biografia #E

Posts recentes

Ver tudo

José Maria Pinto Almeida

José Maria Pinto Almeida, sonorizador, trabalhou em Rádio Ecclesia e realizou o programa Luanda (20:00-21:00). Programa que durou mais de uma década (1962-1974), ao título acrescentava-se o ano: Luand

Fernando Alves

Depois de colaborar no jornal do liceu de Benguela, Fernando Alves ingressou em Rádio Clube de Benguela como locutor a 1 de julho de 1970, ainda com 15 anos. Ele tinha voz grave e não dava erros de po

Paulo Cardoso

Paulo Cardoso iniciou-se na rádio em 1955 no liceu Pedro Nunes (Lisboa) e transitou para a APA (Agência de Publicidade Artística). Em 1958, fez Diário do Ar com José Fialho Gouveia, programa marcante

© 2018/2019 - Todos os direitos reservados